domingo, novembro 04, 2007

Sem reserva

O "Sem reserva" parecia ser mais um filme do tipo pipoca de consumo rápido mas torna-se mais interessante com o desenrolar do mesmo. No ínicio da história, Kate (Catherine Zeta-Jones) domina a cozinha de um restaurante e a sua vida é um tédio completo... De tal forma que ela anda num psicólogo. De repente a vida altera-se radicalmente com o facto de ter de cuidar com a sobrinha depois da irmã ter falecido num acidente de carro. Ela que só percebe de ingredientes vai ter de lidar com a educação da sobrinha e com a concorrência de um cozinheiro que só ouve música lírica, no restaurante onde trabalha. As partes mais divertidas do filme acabam por ser as consultas com o psicólogo. É um filme para entreter e nisso cumpre os serviços mínimos.
Os actores cumprem os serviços mínimos sem haver nenhum que se destaque.

Classificação: 6/10

0 Críticas:

Enviar um comentário

Links para este artigo:

Criar uma hiperligação

<< Home