sexta-feira, fevereiro 01, 2008

O Banquete do Amor

Numa pacata terreola de Oregon há um café onde se centra a história do filme. Harry é um cliente habitual e assiste a uma série de encontros e desencontros amorosos. Tem também o papel de conselheiro sentimental. Neste filme há de tudo um pouco, um romântico que é deixado pela mulher e que depois é cada tiro cada melro, uma agente imobiliária temperamental que se mete com um tipo casado, uma jovem problemática que namora com um jovem problemático e o próprio Harry que também tem os seus problemas com a mulher. É mesmo um banquete (título muito bem escolhido!). As interpretações estão na média e o Morgan Freeman continua numa de papéis calmos e saí-se bem. É um filme leve e muito bom para ver numa tarde chuvosa.

Classificação: 7/10

2 Críticas:

Blogger LopesCa disse...

Excelente para um dia como o de hoje :)

3/2/08 23:40  
Blogger Cristina7 disse...

Um filme que está na minha lista...Parece ser bastante bom...
xx

1/6/08 15:09  

Enviar um comentário

Links para este artigo:

Criar uma hiperligação

<< Home