sábado, março 01, 2008

Seda

O filme dos bichos da seda é lento, muito lento mesmo. A história é simples, um francês casado que se dedica ao contrabando de bichos da seda vai com frequência ao Japão. Começa a interessar-se por uma mulher que é escrava de um tipo poderoso. Eles não falam a mesma língua e comunicam por cartas. Até um dia... e mais não conto. As interpretações não são nada de especial e o ritmo do filme penaliza-o fortemente e faz o espectador bocejar (e várias vezes).
O melhor do filme ainda é a fotografia.

Classificação: 5/10

0 Críticas:

Enviar um comentário

Links para este artigo:

Criar uma hiperligação

<< Home