domingo, fevereiro 27, 2011

Sanctum

James Cameron voltou desta vez como produtor mas não convenceu. O tiro saiu ao lado. Neste filme passado em cavernas a maior parte do tempo, o bocejo domina o espectador pois a história desenrola-se a um ritmo lento e sem grandes novidades pois adivinha-se facilmente o que se vai passar a seguir. As interpretações não convencem parecendo os actores estarem pouco motivados tal é a pouca qualidade.
É um filme para verem (se não quizerem ir ao cinema) no sofá daqui a um ano nos canais de cinema. Mas se quizerem ir ao cinema e depois digam coisas.

Opinião: Fraquito

0 Críticas:

Enviar um comentário

Links para este artigo:

Criar uma hiperligação

<< Home