sexta-feira, janeiro 05, 2007

Apocalypto

O Mel Gibson continua a fazer filmes de épocas bem remotas. Desta vez recuou até ao tempo em que os Maias tinham os dias contados. Uma tribo Maia é atacada por uns bárbaros e há um homem que consegue fugir e luta pela sobrevivência e por conseguir salvar a mulher o filho dos bárbaros. O medo é a palavra de ordem mas o homem (o sobrevivente) aprende a conviver com o medo e vai fazer pela vida! O filme é demasiado longo e com tanta luta e tantas perseguições o espectador (eu) começa a chatear-se e a bocejar também! Há filmes que levam uma tesourada e outros nem dão para uma versão de dvd mais tarde com cenas cortadas. Este não deve dar origem a isso. A fotografia e os efeitos especiais são o melhor do filme. E para terminar chamo à atenção de quem é mais sensível para pensar duas vezes antes de ir ver este filme pois há violência com fartura!
Devo ser dos poucos a não achar este filme uma obra prima, mas por isso mesmo é que o planeta não descaí, pois as críticas boas, +- e más aos filmes equilibram a coisa. Esta crítica é do tipo o filme é +-, isto é, come-se...

Classificação: 5/10

6 Críticas:

Blogger LopesCa disse...

Vou ver hoje :)

6/1/07 20:36  
Blogger Um crítico do caraças disse...

Depois diz se concordas com a minha crítica ou se achaste que o filme é uma obra prima. :)

7/1/07 18:45  
Blogger LopesCa disse...

"chamo à atenção de quem é mais sensível para pensar duas vezes antes de ir ver este filme pois há violência com fartura!" Devia ter lido melhor a tua crítica :)

A minha está aqui ;)
http://lopesca.blogspot.com/2007/01/cinema-apocalypto.html

8/1/07 15:53  
Anonymous sarita disse...

Ai amori, fui ver ontem. Um horror, duas horas sentada na sala de cinema e em panico. A história é fraquinha, fraquinha, o actor principal é bom, o Youngblood, mas visualmente falando, é um espectáculo!

11/1/07 18:53  
Blogger Um crítico do caraças disse...

Sarah, ai ai, não leste o meu post antes ver o filme... é que avisei que a história era um bocado pró fraca e que a violência era muita tb (disse que pessoas mais sensíveis devem pensar 2 vezes antes de irem ver o filme). O 5 que dei foi pela fotografia basicamente... pois o resto enfim... É caso para dizer o Mel Gibson como actor já não era grande espingarda e como realizador deixa a desejar tb.

11/1/07 22:13  
Blogger Tiago disse...

Mel perdeu oportunidade de fazer um dos melhores filmes.. Previsível, com clichês e sadico fica dificil ser bom mesmo com tantas coisas a favor tambem. Qnd protagonista nao morre pelo eclipse vc ja sabe q ele vai ser o rambo da parada.. e a fuga dele podia ter sido algo real mas preferiram fazer ao estilo pastelao d hollywood.. todas flechas nao o acertam mas as q pegam soh o ferem.. e qnd ele resolve encarar os guerreiros q o perseguem.. q kao! e pra viagem nao ser pouca tinham os espanhois chegando.. tinha q ser eclipse e td mais naquele dia.. ai baixa a nota demais.. podiam mostrar mais da cultura maya.. e qnd levam escravos pra execuçao demora demais.. ai mel.. daqui 5 anos vc vai querer refazer esse filme e torna-lo uma obra d arte pq a ideia eh otima mas vc eh sadico dmais.. adora um sangue em camera lenta em todos seus filmes..

18/12/08 20:08  

Enviar um comentário

Links para este artigo:

Criar uma hiperligação

<< Home